Viver de Construção

Blog sobre Investimentos e Tranquilidade Financeira ...

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Planejando as Próximas Férias: 30 Dias na Europa! E Tenho dito!

.
.

Fala galera!


Hoje falaremos sobre planejamento para uma viagem, bem no início mesmo.

Estou praticamente decidido a fazer uma viagem que tenho em mente, sem pensar demais em gastos: 30 dias na Europa.

Estou realmente pensando em permanecer lá o mínimo de 2 semanas (obrigatório) e o máximo de 4 semanas (desejado). No pior cenário, talvez, 3 semanas, mas realmente farei o possível para ficar 30 dias lá.

Tenho lido algumas postagens, e até incluo algumas sobre o tema do amigo e blogueiro André, do site Viagem Lenta. Veja alguns de seus posts sobre viagens clicando aqui.

Meu objetivo é realizar uma viagem diferente, tipo, sem um planejamento exato de quantos dias em cada lugar.

Calcularei um local mais ‘intermediário’, digamos assim, na Europa, para que eu possa conhecer várias cidades nos principais países.

Pensando talvez em incluir algum local histórico da segunda guerra, evento do qual me interesso bastante (sou fascinado por história).

Provavelmente a viagem ocorrerá no final do ano, e para isto pretendo já fechar certo qual será o local de chegada (e retorno), para já deixar as passagens agendadas.

É algo complicado de se fazer (planejamento prévio), mas é algo interessante.

Ao invés de ficar perdendo tempo pensando apenas em dinheiro, blog, e outros assuntos de menor importância, dedicarei tempo a ver bons roteiros para me planejar.

Alugar um carro?

Utilizar transporte aéreo para as viagens entre cidades / países?

Planejar o uso dos trens bala?

É muita coisa ...

Planejar 30 dias numa cidade única?

1 semana em cada cidade?

Agendar apenas uns 3 dias num hotel ou Airbnb e agendar tudo por lá mesmo, dependendo do que eu achar interessante?

Tenho algumas dúvidas, mas estou apenas começando.

.
.

Primeiro passo para reduzir custos será já adquirir as passagens aéreas, e começar a comprar Euro, mensalmente.

Deixar o cartão de crédito liberado para uso no exterior, até a data ...

Poxa, sabe aquelas coisas que animam a gente?

Ter a oportunidade de conhecer novos países, e rever aqueles que já conheço.

França, Itália, Suíça, Alemanha, Polônia, Inglaterra, Escócia ...

Espanha, Portugal (talvez) ...

Bélgica, Irlanda ...

O ideal é tentar economizar na passagem (comprando em antecipação), usar Airbnb (comprar a própria comida ajuda muito na economia), e planejar bem o transporte ...

Bom, estou apenas começando a sondar.

Esta fase do blog se chama: Viver em primeiro lugar, Independência Financeira será consequência.

O motivo?

Se sem nunca ter pensado em Independência Financeira e ganhando MUITO MENOS eu consegui algo em torno de R$ 800.000,00, não é possível que eu não possa gastar 2 meses de salário + rendas para ter uma experiência inesquecível.

Engraçado pensar que eu sempre fui um crítico a estas viagens, pensando: Poxa, com R$ 20.000,00 eu compro um veículo usado que vai durar por anos ... Como é que tem gente maluca que consegue gastar isto numa viagem?

Eu mudei ...

Ver novas culturas, comunicar-se em outro idioma (inglês, espanhol, etc.), estar em locais bem diferentes do que estamos acostumados, é algo totalmente diferente e que vale a pena.

Bom, fico por aqui!

O que for planejando, vou postando aqui no blog.

Um abraço



VDV – VIVER DE VIAGEM

.
.

47 comentários:

  1. Também irei fazer uma viagem internacional esse ano.
    Irei fazer a viagem familiar típica: Disney.
    Pretendo levar minha filha (fará 10 anos) e minha esposa (no mês de aniversário dela) além de mim, claro, e outro filho. Será o presente da filha e da esposa.
    Acho que valerá muito a pena, visto que ambas sempre quiseram ir lá.
    Já estou na fase de pagamento de algumas despesas e na compra dos dólares. Iremos em outubro.
    Será nossa segunda viagem internacional. A primeira foi para o Chile ver a neve. Foi excelente!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anon,

      Bacana demais hein! Sua filha vai adorar, será um presente inesquecível, que orgulho pra você fazer isto por ela! Palmas! Seu filho também vai aproveitar demais, na verdade todos vocês.

      Minha esposa comentou como possibilidade ir pra lá também, por enquanto não quero, vou deixar pra quando abrir a fábrica de filhos rs.

      Show! Já fui no Chile (a neve tinha acabado, já estava mais quente, mas foi legal demais mesmo assim).

      Ir pagando mensalmente vale muito a pena, quero fazer isto também, diluindo os custos.

      Abração

      Excluir
  2. Vai adorar. Eu já estive tive em 5 países lá e adorei!

    Em relação ao transporte para viajar entre dois países melhor mesmo avião (tem passagens baratas), entre as cidades do mesmo país acho que trem, ônibus ou alugar carro resolve.

    A melhor data para ir para a Europa é no verão de lá, tentaria junho ou julho, as os meses a volta disso também são bons. No final do ano janeiro e dezembro são mt gelados e chove muito, é inverno lá.

    Abraço e boa futura viagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Dil!

      Eu vou final do ano, Dezembro, provavelmente lá estará frio, vai ser bom também por este motivo, eu acho show de bola o frio de lá.

      Vou planejar bem se vou de trem ou avião nos passeios, avião é chato a demora, chegar cedo no aeroporto e tal, mas pode compensar mais do que o trem, mas ir de trem bala também é show né?

      Abraçao

      Excluir
  3. VdC, gostoso da Europa é vc se deixar levar, fique uns dias na cidade onde pousar e de lá vai estudando as possibilidades, claro, estude os lugares que deseja visitar, mas deixe pra decidir a ordem e quantos dias por lá mesmo. As aéreas lowcost sempre fazem promoções de última hora (fui de Lisboa pra Roma pagando 7 euros), bilhetes de trem vc tb consegue com desconto em cima da hora, etc.

    Pra juntar euros recomendo abrir uma conta no Banco N26 e transferir por transferwise. É um banco alemão, vc abre pela internet (faz uma video conferência em inglês pra confirmar a identidade) e só precisa de um endereço europeu pra receber o cartão (use clevvermail se necessário). Assim vc paga euro comercial e não tem tarifas de saque ou no débito dentro da Europa. Tem um chamado LeuPay que é de Malta, esse manda o cartão pro Brasil mas nunca usei então não sei opinar.

    "Poxa, com R$ 20.000,00 eu compro um veículo usado que vai durar por anos ... Como é que tem gente maluca que consegue gastar isto numa viagem?" - sou desses malucos, meu carro de 12k me serve muito bem, não me vejo gastando mais que isso num carro, mas pra viajar... aí gasto com gosto!

    Grande AbraçO!

    Corey

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas aaaa corey, tem um corsinha sedan prata.

      Excluir
    2. N26 nao esta aceitando mais endereco da clevvermail

      Excluir
    3. Valeu pelas dicas Corey.

      Realmente levar tudo em dinheiro (cash) me preocupa, vai que acontece alguma merda lá, sei lá, aí complica.

      Nem todo local lá aceita cartão de crédito, é bem diferente daqui, por incrível que pareça.

      Esta ideia de ter um banco lá é bem interessante mesmo, não ficar pagando tanto ágio é uma boa.

      Vamos ver o que vou arrumar, estou começando o planejamento.

      Abraço

      Excluir
  4. Faz certo viajar, mesmo diminuindo temporariamente os aportes, viagens na minha opinião são um bom gasto, com parcimônia é claro, pois lá na frente daqui umas décadas do que adiantara ter 4KK de ativos se não tem o mesmo animo e disposição de bater perna 1 mês viajando, ou até de encarar low cost trips estilo mochilão e afins. Poste depois informações sobre as trips e sobre suas experiências lá, se possível. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anon,

      Certíssimo.

      Eu acho que no início da caminhada o correto é fazer viagens mais em conta, não adianta ter 40K e gastar 20K indo pra Europa.

      Demorei bastante pra viajar, então agora com a bola de neve formada, acho que vale a pena sim, pois são experiências e momentos que nunca saem da mente.

      Imagina você velho, 4 milhões, e sem saúde e energia ...

      A vida é uma só e temos que poupar e viver! Equilíbrio!

      Abraço

      Excluir
  5. Se for em Agosto entra em contato que daí nos encontramos por lá!

    Dica: já comprei a passagem pelo site Zuper. Bem mais barato e deu tudo certinho.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  6. Pergunta pra todos que viajaram pra Europa:

    Como vocês se viram coma questão do idioma?
    Ir pra Portugal e Espanha é uma coisa. Alemanha, Holanda, Hungria, Polônia aí o buraco é bem mais embaixo.
    Até o Francês não é fácil.
    Como você fazem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Anon,

      A resposta é usar a lingua universal: Ingles.

      Excluir
    2. English my friend.
      By the way, os chineses são os que mais viajam pelo mundo e não falam nada além do mandarim.
      Não tem que falar idioma local para viajar. Principalmente hoje, já que o google traduz tudo para você.
      Abraço!

      Excluir
    3. Falando inglês vc vai até pra Lua. Aprender os números no idioma local tb ajuda muito. Fora das zonas turísticas as vezes o bicho pega, mas todo mundo percebe que vc é turista e acabam dando um jeito.

      Excluir
    4. Agradeço as respostas. Mas faço uma observação.
      No leste europeu e balcãs pouca gente fala inglês, pelo menos é o que li e ouvi falar.
      E os idiomas são bem difíceis para quem fala português.

      Excluir
    5. Já fiz mochilão ficando de três a cinco dias nos seguintes países: Alemanha, Holanda, Estônia, Lituânia, Letônia, Polônia, Hungria, Croácia, Chéquia, Grécia, Dinamarca, Suécia, Noruega, Finlândia e Rússia.

      Com exceção da Rússia, sempre usei o inglês e nunca tive problemas em nenhum dos países que visitei, e olha que não fiquei somente na parte turística mas fazia questão de ir em lugares frequentados apenas pelos locais, onde turistas eram exceção. Só tem que tomar cuidado pois em alguns países os nacionais não gostam muito de estrangeiros interagindo com as mulheres locais.

      Mas seu inglês tem que ser bom, não somente para falar mas para entender inglês carregado de sotaque.

      Abraço

      Excluir
    6. Verdade.

      É bom dar uma lida sobre a cultura do país / cidade, apenas para evitar constrangimentos. Exemplo: Vai dar um beijo na bochecha de uma mulher japonesa ... É quase um estupro (para ela), e super normal para nós brasileiros huehue.

      Com inglês e cara de pau, dá pra ir em qualquer lugar.

      Anon, só achei curioso, na Rússia os caras não gostam de inglês? Na França sei que tem que pedir permissão antes de falar, já estive lá, não sabia nem dizer “Olá” em francês na época, e foi bem tranquilo, mas eu alertava e pedia pra falar em inglês.

      Abraço

      Excluir
  7. Um dia eu gostaria de viajar pelo mundo, mas tenho fobia de avião. Preciso entrar num avião antes de fazer alguma viagem.

    Meu medo é que dizem que quando se olha pela janela não se vê nada. Dá a impressão que estou preso na escuridão.

    Vai que eu tente abrir a janela pra não sufocar! Olha que situação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara assista um canal no youtube chamado Avioes e Musica. Eu morria de medo de voar, me sentia muito mal, apos entender sobre como funciona a aviaçao perdi totalmente o medo. Nem turbulencia me assusta mais rs.

      Excluir
    2. O Lito é o cara, me interesso por aviação desde moleque e nunca vi um cara com tanta didática pra explicar aviação como ele. Estou ansioso pra ler o livro sobre o Electra na África.

      Excluir
    3. Verdade Corey, tem pessoas que tem um dom e este é o caso do Lito. Voce viu que ele foi ate no programa Bem Estar da Globo? Ta ficando famosao, e continua educado e humilde.

      Excluir
  8. Como as aeromoças lidam com pessoas que tem medo de avião?

    Vai que uma pessoa tenha um ataque de pânico e tente quebrar a janela pra pegar ar, o que vão fazer, amarrar ela?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ninguem faz isto. Mas as tripulantes sao profissionais e dao todo apoio, agua, etc.

      Excluir
  9. Amigo VDC, fiz uma viagem de 2 semanas pela Espanha no final do ano (e começo de janeiro). Tudo ótimo e maravilhoso. Experiência fantástica (devo esclarecer que não foi minha primeira experiência do tipo). O único problema é o exchange rate para EURO, se não converter e nem ficar fazendo conta é diversão garantida.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha verdade.

      Ultima vez que estive no Chile percebi que um almoço simples, convertendo, saía 300, 350 reais, ai desencanei.

      Pretendo separar parte em euro e nao me preocupar tanto, so devo definir um budget diario pra nao ultrapassar todos os limites.

      Ta sumido EI apareça mais na blogosfera.

      Excluir
  10. Top VDC

    Vá e aproveite

    30 dias : França, Italia e Alemanha

    (15-20 dias só na Itália)

    Ou

    18 dias Italia (5 Roma, 5 Toscana, 2 Verona, 3 Veneza, 3 Milão) + 1 Lugano (de trem a partir de Milão) + 5 Paris + 4 Londres + 2 (a chegada e o retorno)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Guardião,

      A Itália tem muitos locais bacanas pra ir. Talvez lá seja bacana alugar um carro e pegar as estradas, bonitas demais, cada paisagem.

      Quero incluir a Suíça, já fui lá e gostei demais.

      França também.

      Mont blank, esquiar não (fica caro demais), mas pelo menos subir as montanhas valerá a pena, pelo que li na internet é show.

      Fora isto, vamos ver.

      Londres me chama a atenção, mas haja tempo, disposição e dinheiro.

      Vou tentar planejar uma viagem bacana, um planejamento detalhado, como faço em meus projetos rs.

      Abraço e grato pelas dicas!

      Excluir
  11. Fala VDC, Bacana sua viagem.
    Eu esse ano farei uma viagem de 13 dias no Egito.
    Vou conhecer varias cidades e varios pontos turísticos ,até ver o nascer do sol dentro de um balão !!
    Contratei um pacote de um guia conhecido de la. acho que valerá muito a pena. Ja fiz o adiantamento de 30% do valor do pacote pelo Western Union e a passagem mais barata foi pela Air Maroc, nunca voei por essa empresa, porém falam que é muito boa tirando alguns voos que são cancelados.

    Um abraço meu amigo e boa viagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala ISN,

      Bacana hein cara! Viagem diferente e realmente deve ser incrível.

      Dê mais detalhes, seria um excelente post sobre seu planejamento pra ir pra lá.

      Abraçao

      Excluir
  12. VdC,

    Vc não acumula pontos em cartão nem milhas?? Cara, nas minhas últimas duas viagens internacionais eu não paguei as passagens. Fui só com pontos de programa de fidelidade. Economizei um bom dinheiro e na última ainda fui de executiva. Foda agora é conseguir outra promo multiplicadora de pontos pra repetir, pq fiquei mal acostumado viu. Só de pensar em viajar 10h na econômica novamente já me dá calafrios kkkkkkkk

    Mas q fique claro que não gastei nenhum real a mais pra isso. Simplesmente tenho um cartão com bom programa de pontuação e sem anuidade.

    Sobre ter uma cidade base para sua viagem, aí vc vai ter q pesquisar o que quer fazer/conhecer pra decidir se é a melhor estratégia. Na minha experiência pessoal viajar pra Europa sem pesquisar e ter um roteiro é prejuízo. Tem muita coisa pra conhecer e vc pode perder uma experiência legal se não pensar antecipadamente o que quer fazer.

    Além disso as passagens de trem vc tem que comprar com antecedência, se deixar pra decidir na hora vai pagar bem mais caro. Também tem opções de companhias aéreas low cost que dá pra fazer bate-volta pra várias cidades. A Ryanair e a Volotea são as mais conhecidas e à vezes chega a ter promo de passagem por 5EUR! Claro que isso sem despachar bagagem, por isso o bate volta é o mais indicado. O preço de cada mala despachada pode chegar a 90EUR (experiência própria), aí quebra toda a economia da passagem.

    Esses são meus 2 cents pra vc pensar na sua viagem.

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Anon,

      Pois é cara, sou inteligente em algumas coisas, neste caso de milhas sempre vacilei, e olha que eu já viajei muito a trabalho, e não acumulava.

      Comecei a acumular agora nos programas de milhas das empresas aéreas que uso, porém tenho poucos pontos.

      No cartão de crédito não acumulo, detesto usar cartão de crédito, mentalidade de velho dos anos 60 que prefere pagar tudo à vista.

      Sobre o plano você está certo. Eu tenho que ter um roteiro certinho de quando vou para a cidade X e o que farei lá, até pra não ficar perdido.

      O que não quero é justamente ficar sem saber o que fazer, tipo, “ah vou dormir, vamos ficar atoa pois não sei onde iremos”.

      Esta das passagens low-cost aéreas, sem bagagem, pode ser uma boa.

      Por isto seria legal eu achar um local mais em conta ‘airbnb’ ou ‘hostel’ confortável, pra deixar as malas e ir só de mochila, minha esposa e eu.

      Vou desenhar e planejar diariamente os roteiros (trem, avião), e tentar ver se já consigo comprar as passagens antecipadamente, pelo menos 3, 4 meses antes como você disse.

      Valeu pelas dicas!

      Abraçao

      Excluir
  13. VDC, vai fundo! acumular patrimonio serve justamente pra isso, poder desfrutar dele de vez em quando.
    PS: como faz pra entrar ai no seu blogroll?

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Olá Marcelo,

      É isto aí ... Tem que aproveitar um pouco também, tudo dentro do que eu posso, sem dívidas ou extravagâncias.

      Sobre Blogroll, manda seu blog. A galera que participa sempre eu vou adicionando aqui pra acompanhar também.

      Abraço

      Excluir
  14. Sugestões:

    Abrir uma conta no banco N26, há na blogosfera dicas de como comprovar renda. Não há taxas, nenhuma. A unica que pode haver é se vc quiser o cartão black, que te dá uma series de vantagens e custa 70 euros por um ano.

    Estude sobre os locais que vai conhecer, vc vai aproveitar muito mais. Se for conhecer o Luvre, estude o dobro para valer a pena.

    Planejar as viagens de avião com 3 meses de antecedencia. A Ryanair cobra 12 euros um trecho, mas se a compra for em cima da hora sobe para 90.

    Hostel eu achei que valeram a pena.

    Reserve um dia de translado entre as cidades.

    Dicas de cidades: Pisa, It e Edimburgo, Escocia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa Anon, show de bola!

      Não conheço sobre este banco N26, acho que o Corey citou lá em cima também, vou analisar.

      A ideia de levar muito euro numa pochete escondida na camisa me deixa meio temeroso. Lembro que onde visitei na europa, não eram todos os locais que aceitavam cartão de crédito ... Era grana mesmo.

      Esta das viagens low-cost de avião pode ser uma boa.

      Vou tentar planejar certinho, pra otimizar a hospedagem e uso de carro alugado, se eu ver a necessidade.

      Abraço

      Excluir
  15. Rapaz

    Bom investimento.

    Quando eu chegar aos 800k, também vou pensar numa viagens dessas. Com 250k, quero fazer uma viagem aqui na América Latina, visitar Bolívia e Argentina.

    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala aí Vidinho meu amigo!

      Inclua o Chile nessa viagem Vidinho, você vai gostar e não fica tão caro! Use Airbnb como hospedagem e use a diferença para passear mais, fora a economia cozinhando a própria comida.

      Manejo de risco nos trades, e siga em frente!

      Abração

      Excluir
  16. Poxa VDC, você tem um ótimo emprego, pois te permite tirar férias várias vezes.
    Me lembro que ano passado você fez um post sobre férias, no post de janeiro você disse que estava de férias, agora em fevereiro/março vai estar de férias de novo.
    Quando eu crescer vou querer ter um trabalho assim, cheio de férias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anon,

      Às vezes eu reclamo, mas se for olhar bem, o salário que eu ganho é muito bom.

      Conseguir aportar 5K por mês é muito para nós, pequenos investidores.

      Sim, eu estava de férias entre Dezembro e Janeiro deste ano, e estou pretendendo sair de férias em Dezembro 2018 novamente.

      São 30 dias de férias por ano.

      Nós brasileiros não podemos reclamar, se não me engano na Argentina são menos de 30 dias a cada 2 ou 3 anos ...

      Abraço

      Excluir
  17. Vdc, primeiro venho aqui te agradecer! Ler o teu blog é uma das melhores que tem me ocorrido nos últimos tempos. Incrível ver a tua serenidade em relação aos assuntos, e como tu consegue captar muito bem a realidade "nossa", de quem se ferra todo dia no trabalho.

    Meu caro, uma pergunta rápida: aonde tu consegue as informações base dos FIIs? Eu andie procurando em variados sites (BOVESPA, INTERNET, prórpio emissor do fundo) e não consigo captar as informações chave - fundos que não investem no RJ, assim como tu fala e conseguir efetuar a diferenciação entre fundos de papel e fundos de tijolo. Pode explanar um pouco sobre isso?

    Forte abraço, e saibas que tens um baita admirador deste lado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa Anon, muito obrigado!

      Às vezes dá uma preguiça deste blog, só tinha xingamento. Valeu pelo elogio.

      Anon, basicamente eu acabei adquirindo meio que um ‘feeling’ sobre a análise dos FIIs, principalmente pela questão do preço não ser levado em conta por mim nas compras.

      Claro, eu vejo um yield de “1%” e vou desconfiar que há riscos, ou vejo um FII SHPH pagando 0,3% e acabo postergando a compra, por precisar de um yield maior, porém cada FII que eu tenho em carteira eu entendi como funciona e com os relatórios semestrais consigo ver como estão indo.

      O que eu recomendo: Blog do Tetzner é ótimo para ver a ficha do FII e melhor entender sobre ele. Alguns comentários são aproveitáveis, mas nunca tome decisões baseado em blogs ou fóruns, inclusive o meu. O segundo é o site do Bastter, o Nod sempre posta alguma coisa legal, uma análise simples dele para alguns dos FIIs, e dá pra ver as notícias. O site Clube dos FIIs também é um fórum que dá para aproveitar algumas coisas pra conhecer melhor o FII. Agora os sites principais mesmo: Eu uso o site FIIs.com.br para ver as notícias dos FIIs, que são as publicadas pelo fundo na Bovespa. Vejo a distribuição dos resultados, e principalmente a divulgação dos relatórios trimestrais / semestrais, que me dão uma boa noção do mercado e do FII.

      Sobre fundos que não investem no Rio você descobrirá lendo estes sites acima, mas a informação original digamos assim será vista nos relatórios do próprio fundo. Pegue um relatório do KNRI, HGLG e verá a distribuição dos empreendimentos por estado.

      Abraço

      Excluir
  18. Cara. Dezembro estará muito frio. Recomendo ir em outra data.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Anon.

      Espero que nao tao frio, mas sera em Dezembro mesmo, ferias agendadas pra esta epoca.

      Valeu

      Excluir
  19. Oi VDC,
    Vou fazer uma viagem dessas neste ano e depois publicarei no blog, espero que te ajude!
    Abs!
    IFM

    ResponderExcluir

Obrigado pela presença! Aprovarei rapidamente seu comentário e responderei brevemente! Grande abraço, VDC - Viver de Construção

Anúncio Google:

Pesquisar no Blog ...

Postagens Populares ...