Total de visualizações de página

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Mudança de Planos para a Independência Financeira?




Boa noites Senhores do Milhão. A Luta Continua!


Post mega rápido para não deixar a postagem de hoje em branco.

Mudança de planos para a Independência Financeira?

Entendendo um pouquinho da minha mente, a única coisa que estou pensando para meu futuro agora é: Por que eu sou o único da Blogosfera que não quer morar fora do Brasil? Se você faz parte e mantêm o mesmo pensamento, deixe-me saber.

Eu tenho opções ...

Sei lá, às vezes penso que até trabalhar de pedreiro aqui me daria uma qualidade de vida melhor (após o trabalho), fora que o ambiente de obra é sempre engraçado.

O status que estou tendo, é verdade, estou gostando muito, e pensar na possibilidade de vir pra cá, trazer minha família, é realmente algo interessante.

Vejo muita gente boa que não teria condições de vir pra cá, de forma legal, e pensando meu lado, eu tenho os contatos, bastaria saber planejar um ‘Game of Thrones’ para conseguir a indicação certa, se não fosse da minha empresa, de alguma empresa parceira que presta serviço (e que eu poderia agregar o meu talento e meu português para obter  mais projetos e ajudar nos trabalhos).

Será que nesta altura da minha vida eu vou mudar meus sonhos e colocar como meta mudar para os Estados Unidos?

Será que ao invés de trabalhar para ser um gerente eu não deveria trabalhar para me mudar de país?


Como eu viveria longe da minha família?

Eu já viajei para alguns países (quem diria, eu dizendo isto), mas aqui este sentimento da felicidade bateu mais forte, mesmo com o frio, mesmo com o idioma, pois aqui temos o que não tem preço: Paz. Tranquilidade.

Seria encurtar a minha IF, bastaria vir pra cá como empregado e eu obteria a IF, principalmente se mantivesse um trabalho similar ao meu ...

Já tive pensamento similar quando estive na Europa, mas aqui bateu mais forte.

O que eu sei com certeza é: Se eu tivesse dinheiro, eu estaria viajando e morando alguns meses fora, se fosse rico mesmo, passaria um mês na Europa, um mês nos Estados Unidos, um mês no Brasil e assim iria passando o tempo e vivendo ... Não seria nunca um empresário de sucesso enfurnado 12 horas no escritório para ganhar mais dinheiro.

Cálculo para viver aqui? Pretendo fazer, em breve ... Qual seria o salário ideal pra eu viver bem aqui?

Por hoje fico por aqui, até a próxima postagem!

Notícias: Postarei sobre Construção e Fundos Imobiliários nas próximas postagens, entendam meu momento de admiração e emoção ao estar aqui nesta potência mundial, dentro dos cenários dos filmes americanos que tanto assisti e assisto ...

Eu faço parte disto ... E esta conquista ninguém nunca irá tirar de mim: Eu faço a diferença no mundo! Eu não sou qualquer um. Eu agrego valor, tanto que estou aqui.

Abraço e excelente noite

VDC – VIVER DE CONSTRUÇÃO


43 comentários:

  1. Fala VdC!

    Vc iniciou o post dizendo que vc é o único da blogosfera que não quer morar fora do país. Errou! Eu também não quero... ou não queria... Estou no mesmo dilema que vc e meu pensamento atual descrevo logo abaixo. No momento estou em projetos pessoais que dificultam minha saída do país... Mas o pensamento continua latente!

    Viver num país desenvolvido é o sonho de muitos. Vc está mais próximo deste sonho do que a maioria! Vai fundo nessa rapaz! Vc tem tudo para alcançar nos EUA o mesmo sucesso profissional que tem alcançado no Brasil. Sinceramente? O Brasil tá uma merda! Povo ignorante e malandro (o brasileiro não é feliz, é bobo alegre)! Não tem estrutura pra nada! Tudo no Brasil é difícil! O tempo todo vc tem que lidar com gente incompetente e/ou com má vontade. O que tem de bom no país é praia e sol. Nada que vc não possa aproveitar passando férias por aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala IR,

      O que me prende ao Brasil é a familia.

      Nao sei como conseguiria ficar longe, tipo, imagina um familiar passar mal e eu tao longe sem poder ajudar, nao gosto nem de pensar.

      Nosso país é sim muito bom, somos sortudos no quesito clima, natureza, mas, a violência atual, os impostos, a crise, desanimam.

      Por enquanto fico no Brasil, quem sabe um dia... mudaria muito a vida mudar de pais.

      Abs

      Excluir
  2. Olá VDC,
    Eu não pretendia morar fora do Brasil, mas ultimamente estou pensando na possibilidade de cair fora daqui daqui uns anos. Não sei se USA seria o país de destino, vou ver isso com calma.

    Se você já tem os contatos isso é muito mais fácil. Visita seus pais uma ou duas vezes por ano já está ótimo.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala CI,

      90% do mundo quer vir pra ca rs. Esta mais dificil ainda com Trump.

      Aqui e maravilhoso, mas ainda acho que permanecerei no brasil mesmo, mas deixarei portas abertas.

      Abs e sucesso

      Excluir
  3. Eu também nunca pensei em viver fora do Brasil. Na verdade nunca saí do Brasil nem à passeio, portanto não posso fazer nenhum tipo de comparação realista do Brasil com outro país. O máximo que posso é analisar alguns dados relativos a economia ou outros temas.
    A decisão de mudar ou não de País é pessoal e intransferível, cada um sabe o que é melhor para sí, mas se todos que dizem querer ir para um país de primeiro mundo, de fato forem, a população nativa desses países teria que sair de lá para dar espaço para os estrangeiros.
    O primeiro mundo não tem condições de receber todos os que pretendem morar lá, isso é fato.
    Sem ufanismo patriota, nem super valorização do que é de fora, mas somos brasileiros, o Brasil é um paísaço, ainda que não concordemos com muitas coisas, com todos os problemas etc, o Brasil continua sendo um País com muitas possibilidades.
    Noruega, Irlanda,França, Alemanha, Japão entre tantos outros países desenvolvidos tem em suas histórias momentos críticos, críticos mesmo, com guerras, muitas destruição, miséria etc
    Se todos tivesses saído desses locais, como eles seriam hoje?
    Enfim, acho que vale a reflexão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os países desenvolvidos são desenvolvidos exatamente porque passaram por momentos ruins e os superaram.
      Não consigo vislumbrar isso ocorrendo no Brasil. Aqui vejo nego roubando caminhão tombado, não importando a carga, já vi pegando alho. Fala sério né?
      O ES é outro exemplo atual. Muitos que saquearam são "cidadãos de bem" (mentira do cacete), que bastou a oportunidade aparecer para colocarem as manguinhas de fora.
      Se os EUA me aceitassem, iria com um mão na frente e outra atrás na hora.

      Excluir
    2. Anon 11:10 isso que você disse é verdade. Concordo com você.
      O que faz um país é seu povo e não vejo o povo brasileiro em sua maioria encarando a vida como a história mostra que cidadãos dos países que citei encaravam no passado.
      Acho que entre outras coisas falta ao Brasil uma identidade nacional.
      Sei que esperar que a população mude 100% de um dia pro outro é bobagem, mas por outro lado o que falei também é veradade, não há espaço para todos que querem ir ao primeiro mundo.
      Sendo assim será necessário cedo ou tarde melhorar o local em que vivemos para que no longo prazo o que ocorreu em outros locais aconteça de forma parecida aqui.
      Utopia? Pode ser, mas o caminho é ou deveria ser esse.

      Excluir
    3. Nos EUA o patriostismo e coisa linda de se ver, onde vamos tem bandeira.

      Mudar de pais e algo pessoal mesmo, aqui e otimo, mas, nosso pais e bom demais, tirando politica, crise e economia, em beleza, natureza e clima ganhamos de goleada rs.

      Abs

      Excluir
  4. Amigo, Imagino que você esteja em uma cidade bem cosmopolita, hospedado em um hotel legal, andando em um carro legal, e imaginando que tudo nos EUA é bem legal, seguro, e acessível, e não querendo ser um estraga prazer, mas te aconselho a olhar o outro lado da moeda, o lado daqueles que estão presos a ciranda dos cartões de crédito, e que não conseguem sair, aqueles presos a um financiamento estudantil. Aqueles que precisam do governo para sobreviver, incrivelmente esse numero chega a mais de 50% da população americana, tenta umas estatísticas no https://www.census.gov/ e ainda, dá uma estudada nos números deste site http://www.usdebtclock.org. Te ajuda a ter uma ideia mais realista do EUA, e vê que nem tudo que reluz é ouro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo muito bom esta dica.

      Para mudar para um bom país temos de olhar varias dados estatísticos como IDH, dívida pública, produção industrial, índice violência por região etc etc.

      Muita gente não sabe, mas o déficit público do EUA só aumenta, isso no longo prazo vai dar merda, processo similar ao padrão Europa " Socialismo de primeiro mundo" quando dinheiro acabar vai todo mundo limpar privada KKKK


      Outra questão que acontece em países continentais, você pode morar desde bairros ou regiões com culturas complementas diferentes, além de condição econômica complementarmente opostas.

      O EUA sem sombra de dúvida é uma potência e um ótimo país, porem enxergo Austrália e nova Zelândia como possuindo melhores perspectivas para o futuro.

      Obviamente se pode-se escolher entre um pais latino americano, Euroisla Vs EUA , sem duvida me mudaria no mesmo instante para Estados unidos.

      Seria preferível morar em um subúrbio do Texas ou na cidade Phoenix Arizona, cidade situada no meio do desertor em vez de morar no rio de janeiro, são Paulo, salvador etc.


      Aqui você tem de escolhe um padrão menos depreciado, sendo que o lixo americano ainda é superior ao lixo brasileiro.





      Excluir
    2. Concordo com voces amigos.

      Quando estamos com carro bom e em hotel xique e facil querer vir.

      Precisa mesmo ter uma experiencia maior para decidir.

      O Executivo Pobre fez um excelente post sobre isto.

      Abs

      Excluir
  5. VdC,
    Eu, sem dúvida, nem cogito mudar de país. Apesar dos problemas daqui, não troco por nada. Estar perto de família e amigos para mim é mais importante.
    Mas pretendo aproveitar a onda sobre o tema da blogsfera de finanças e aprender como investir fora do país. Algo que nunca nem pensei antes criar o meu e acompanhar os outros blogs.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kb,.pra mim tambem e dificil, familia pra mim e tudo ...amigos fazemos novos aqui rs.

      Eu nao acho vantagem investir no exterior nao, prefiro fazer o feijao com arroz mesmo.

      Abs

      Excluir
  6. Cara,
    Tem um casal que a casa deles é no carro (uma camionete com um camper). A vida deles é viajando! São nômandes digital. E já rodaram a América e a Europa de Carro. O canal deles no youtube é o Travel and Share. Achei interessante o estilo de vida deles. Estão conhecendo muitas culturas e passam por muitas aventuras. Ou seja, não ficam em zonas de conforto. Sempre algo novo a conhecer e amizades a se fazer! Abraço! E vamos que vamos nessa caminhada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa. Interessante isto rs, imagina que aventura?

      O problema e parar em zonas perigosas ne, e pra fazer isto tem q ter uma renda passiva muito boa pra cobrir.

      Seguimos na luta amigo

      Abs

      Excluir
  7. Vá e não olhe pra trás.
    Volte todo ano ao Brasil pra visitar a família ou leve eles embora, mas imagine uma coisa: Você relatou que pretende ter filhos, não? Em breve eles se tornarão mais importantes que absolutamente tudo o que você possui, não sei porque, nem tenho filhos mas a gente sabe que é assim.
    A resposta está ai.
    O Brasil é um país maravilhoso apesar dos problemas, mas comparando fatos individualmente a coisa fica clara. Tendo a chance de ir embora, não condene o futuro de seus filhos.
    Você fica feliz adquirindo coisas de qualidade a preços baixos como sempre vejo. Imagine poder comprar aqueles carrões com um salário médio e pagar menos imposto.
    Morar em um país com um ethos inigualável, líder em produção e tecnologia, e sem esquerdalha dominando o discurso.
    Além do que hoje em dia é só tomar um avião ou ligar o Skype.

    De qualquer modo argumentar não adianta, pois os dois lados tem seus ônus e bônus e cada um tem sua história. Uma coisa que sei é que agora que você saiu do Brasil e provou de verdade o que tem fora, a ideia de migrar vai crescer como um gigante em sua cabeça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala cf,

      Sim terei filhos.

      Aqui as coisas funcionam mas paga-se muito imposto sim, nao e tao lindo assim como pensam.

      Realmente me imagino morando fora, mas, vamos ver se amadureço esta ideia.

      Abraco CF

      Excluir
  8. VDC

    Eu também não me imagino fora por razões familiares. Não consigo imaginar longe da minha família.


    ResponderExcluir
  9. Tenho um pensamento parecido com o seu. Tenho amigos que estão na itália trabalhando, eu não teria a mesma coragem e nem vontade. Se for pra mim sair do país que seja quando eu estiver com a IF alcançada. Dúvido que vão conseguir fazer o pé de meia antes de voltar para o Brasil, e trabalho por trabalho fico aqui mesmo.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anon,

      Matou a pau seu comentario.

      O ideal e atingir a IF aqui e poder viver onde quiser por meses.

      Como tenho visto poderia ficar 3 meses nos eua,.volto e 3 meses aqui, pra mim assim seria o ideal.

      Abs

      Excluir
  10. Além dos pontos emocionais e pessoais, há pontos objetivos que fazem os EUA ser um ótimo destino de moradia, os quais são: economia sólida e livre (é muito bom empreender nos EUA); mentalidade da população é bem diferente em relação ao mercado que a do nosso país; segurança (esse é um dos pontos mais fortes) e IDH, no geral.

    Por falar em segurança, em tempos de violência tão extrema como os atuais, esse item se torna cada vez mais essencial. Hoje em dia, à exceção de pequenas cidades, você já nem pode ter uma boa casa, de boa arquitetura e acabamento, jardim e cerca ou muro baixo, só se for num condomínio. A situação está tão difícil que você não pode morar, mesmo tendo dinheiro, de maneira tranquila assim. Sem contar os perigos de ser assaltado, sequestrado ou morto... O Brasil (regiões metropolitanas) não é um bom país para viver... nem se defender é possível.

    Mas quem tomará as decisões és tu mesmo. A questão família pesa mesmo, mas a vida é assim, uns se espalham por vários lugares, enquanto outros fincam raízes em um só lugar.

    Abraço!


    Anderson



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Anderson
      O que mais me faz pensar em mudar pro exterior e a violencia mesmo.

      Isto me preocupa, mas, ha varios fatores e comecei a pensar nisto agora.

      Abs

      Excluir
  11. Um bom teste para ver como você se adaptaria a uma vida no estrangeiro pode ser fazer um intercâmbio ou especialização "abroad". Se a sua empresa é multinacional eles podem ter até mesmo um programa próprio de intercâmbio profissional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guilherme,

      Vou tentar algo parecido, e sim uma otima ideia.

      O que faltou na minha vida foi realmente intercambio.

      Abs

      Excluir
  12. Eu também tenho vontade de deixar o país, mas não por enquanto...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos fazer dinheiro, depois pensamos nisto ne MP rs. Abs

      Excluir
  13. Olá, VdC!

    Das primeiras vezes que fui aos EUA também fiquei assim igual a você, mas não sairia daqui por causa da família e amigos. Já considerou ir morar no sul do Brasil? Parece que o Sul é menos pior que o resto do BR (não sei, nunca fui, mas é o que dizem).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MIN,

      Engano seu .. .as capitais do sul tem níveis nacionais de homicidios .. e etc ... eu troquei o Rio por Curitiba.. obviamente acho aqui melhor em termos de segurança .. qualidade de vida ... mas ... aquela propaganda de a Europa no Brasil .. é uma puta babaquice ... se vc pegar uma cidade como Porto Alegre por ex, é bem perigosa ...

      Floripa por ex se vc morar em um bom bairro e tal .. é mais calma ... balneario camburiu é uma boa pedida ...

      Abs,

      Excluir
    2. Balneário também é perigoso. O Brasil inteiro é apesar de ignorarmos por não ter muito o wue fazer.

      Excluir
    3. Ta tudo perigoso no brasil rs.

      Aqui e bom amigos, mas adorei a europa tambem.

      O problema da europa sao estes ataques agora, aqui.nos eua aonda e mais.tranquilo isto.

      Mas concordo q pra ter certeza d kerer vir pra ca precisa ficar mais q uma, duas semanas.

      Abs

      Excluir
  14. VDC,

    O ponto principal .. não é querer sair do Brasil .. é querer um país onde as coisas funcionem minimamente.. e eu sinceramente não tenho esperança nem que o meu neto veja isso acontecer ... então .. resta .. mudar de país ...

    Abs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rodolfo,

      Isso aqui nunca vai mudar, rs.

      Veja esse notícia, por exemplo:

      http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2017/02/pf-cumpre-operacao-contra-desvio-de-recursos-publicos-destinados-ufpr.html

      Que as universidades federais são antros de esquerdistas eu já sabia, porém, até nelas estão desviando dinheiro público. Não que eu esteja surpreso, mas a questão é que a Banânia é o "país" da tríade burrice, corrupção e violência.

      E ponto final!

      Abraços.

      Excluir
    2. Acho dificil mudar rs, ouco isto desde crianca e nada muda.

      Viver em pais desenvolvido e melhor,.claro, mas sem a familia seria dificil

      Abs.amigos

      Excluir
  15. Rapaz, só saio do Brasil para morar num paraíso fiscal. Não vou pagar 30% de imposto sobre dividendos pra Trump construir muro. Quero pagar menos imposto possível.

    Existem ilhas no Caribe que são paraísos fiscais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Impostos você vai pagar em QUALQUER lugar do mundo.

      A "pequena" diferença é que em países civilizados você enxerga o retorno deles.

      Abraços!

      Excluir
    2. O IL resumiu bem.

      Aqui pagamos muito imposto (eua), mas vc ve os resultados mesmo.

      No brasil e a maior bagunca, mas, ainda assim e.nosso pais.

      Abs

      Excluir
  16. VDC,

    O fato é:

    O Bananil NÃO tem solução!

    Levando isso em conta, restam duas opções:

    1) "Aceitar" isso e tocar a sua vida na medida do possível.

    2) Imigrar para um país de primeiro mundo.

    Eu já tomei a minha decisão.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Il,

      Ainda.to na duvida pra ser sincero rs.

      Talvez atingir a if pra poder viver meses em qualquer pais q quiser.

      Ans

      Excluir
  17. se migrar como investidor vai ter amargar um bom tempo trabalhando ate receber o dinheiro de volta , agora com visto de trabalho ai e so alegria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como investidor e muita grana ... no way.

      Visto de trabalho e um caso raro de conseguir.

      Abs SM

      Excluir
  18. Não vi ninguém falando do visto. Para morar nos Estados Unidos, legalmente, é necessário um visto que só pode ser obtido de três formas (sei que têm outras, mas essas são as principais): casar com uma americana (quase impossível, o jeito mais viável é casamento de aluguel, que é ilegal), abrir uma empresa e investir US$ 500.000 (quase 2 milhões de reais), ou então pegar um visto de trabalho (quase impossível para um trabalhador comum). Tá vendo só? A única coisa que um mortal pode fazer é um casamento de aluguel, e arriscar ser preso e deportado. Viver nos EUA (legalmente) não é tão fácil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala amigo. A terceira opcao e complicadissima mas e a melhor.

      Outra opcao dentro desta e vir pra ca e conseguir um emprego, assim a empresa banca este visto.

      Abs

      Excluir

Obrigado pela presença! Aprovarei rapidamente seu comentário e responderei brevemente! Grande abraço, VDC - Viver de Construção

Pesquisar no Blog ...

Postagens Populares